segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Poucas palavras e muita esperança

Pegando nas palavras de hoje da Julie, das Almas Mortas, é possível amar alguém de outra espécie como se fosse dono do nosso sangue, sim é absolutamente possível. Onde um olhar, um carinho, uma brincadeira, substituem qualquer conversa, qualquer palavra, nesse lugar único de amor e de dedicação inigualável e insubstituível.




3 comentários:

Gasper disse...

É verdade :)

Julie D´aiglemont disse...

Um beijo muito grande, minha querida. Melhoras para o teu Quiko.

a licenciada desempregada disse...

Totalmente de acordo.

Vai ao meu blog e vê a prenda que tenho para ti.

http://blogdeumalicenciadadesempregada.blogspot.com/2012/01/blogger-award.html

Publicação em destaque

Outono

Incrível!! Ainda ontem o cair da noite banhava lentamente (a passo de caracol) os nenúfares que boiavam no charco verde de águas cálidas, ...