quinta-feira, 22 de abril de 2010

No dia Mundial da Cannabis

Em San Diego - Califórnia, um empresário estatal acaba de lançar um novo conceito de férias: O turismo cannábico.
Dennis Peron, um famoso líder do movimento da marijuana no estado californiano, inaugurou em Los Angeles, no dia 20 de Abril, Dia Mundial da Cannabis, (mas será possível que até a Cannabis tem um dia?) um hotel preparado para os fumadores desta droga.
A sede do Imóvel é o legendário Hotel Normandia,  uma luxuosa residência dos anos 20.
O hotel, que levou um Face Lift, está longe de estar completamente renovado, havendo ainda muitos quartos para restaurar, no entanto isso não impediu, com susesso, a sua reabertura.
Procurando manter os traços essenciais, os visitantes poderão contar com quartos rústicos e hippies e salões de fumo. O único requisito para o uso do hotel, é trazer “charros” em quantidade e vontade de fumar.
O preço de duas noites, num pacote promocional, ronda os 320 euros.
Segundo palavras de Peron, o responsável pela ideia, “Não se pode ser mais social do que com a marijuana, o hotel é apenas uma extensão disso”
A Califórnia é um dos 14 estados Norte Americanos que permitem a cannabis para uso medicinal, principalmente para apaziguar a dor de algumas doenças e abrir o apetite dos pacientes, no entanto o seu uso, como é normal, mesmo em locais onde é permitido, é sempre alvo de controvérsia.




Fonte da Noticia: Los Angeles Times
Imagens: Internet

5 comentários:

Tulipa disse...

;) Pois eu ando um bocado baralhada com esta história dos dias mundiais...hoje é o da terra!?
Relativamente ao hotel, parece-me uma boa ideia, acho é um bocado caro e ainda por cima tem que se levar os charros ;)
Catarina, sou completamente a favor da legalização das drogas chamadas "leves" e do uso clinicamente acompanhado das chamadas drogas "duras".
kisses

Catarina Reis disse...

Pois hoje é o dia da terra parece, um destes dias vou escrever algo sobre o dia do não dia, eh! eh! Eu também sou da mesma opinião em relação às drogas.Tens razão o hotel é carote e nem um pacote de Canabis de boas vindas.
Bjs Catarina

Luis Baptista disse...

Independentemente da discussão sobre o uso da cannabis enquanto fumada, pode-se afirmar sem polémica que é uma das plantas mais valiosas que a terra nos pode dar.
tenho imensa roupa feita de cannabis; as velas usadas nos descobrimentos portugueses eram feitas da planta; as sementes podem-se comer e fazem muito bem; é uma alternativa ao papel, com largas vantagens... entre muitas outras coisas.
é aliás por ser tão valiosa que lhe deram o nome de sativa, nome partilhado por algumas das mais importantes espécies vegetais usadas para fins medicinais: o rei dos vegetais em terapêutica: o alho (allium sativum); a mais cara das especiarias: o açafrão (crocus sativus); o mais importante cereal: o arroz (oryza sativa).

Por isso, uma semana prá cannabis!!! (:

Anónimo disse...

NADA COMO UN PORRO PARA RELAJAR. VIVA LA MARUJA FREE. DALE CATA

Catarina Reis disse...

Obrigada Luis pelo o enriquecimento cultural, desconhecia tantas utilidades.
Bjs Catarina

Publicação em destaque

Outono

Incrível!! Ainda ontem o cair da noite banhava lentamente (a passo de caracol) os nenúfares que boiavam no charco verde de águas cálidas, ...