sábado, 17 de setembro de 2011

As Bananas do Jardim

Não entendo porque razão, os dirigentes políticos, não podem ser despedidos por justa causa, quando apresentam graves erros no cumprimento do seu dever.
No caso especifico da Madeira, acho que face aos últimos achados orçamentais, e dado que em primeira instância quem vai pagar os devaneios do Alberto é o contribuinte, os continentais, que aquele senhor tanto faz questão de diferenciar. Acho que só por isso, deveríamos ter viagens grátis para as ilhas o ano inteiro.

Imagem: Internet com alguns arranjos da Catirolas




7 comentários:

L.O.L. disse...

Uma boa forma de mandar o Alberto para um certo sítio. eheheheheheh.

Tulipa disse...

Parece-me uma excelente opção, as viagens e o internamento :)

M. disse...

Bananas somos nós...E o Jardim tem muitas mais flores (podres...)

Raquel disse...

Tem povo que é cego. :)

Semprábrir disse...

Por mim ele está bem lixado. Nunca compro aquela merdice a que chamam bananas da madeira. Da madeira é o caruncho e com uma banana daquele tamanhinho, não sei como é que ele anda há 30 anos a f**er os portugueses.
Por mim era independência total e acabava-se a conversa. Quem votou nele estes anos todos, que pague a dívida.

Mim disse...

Gostávamos de saber o que tem o senhor Silva a dizer sobre isto.
Não seria caso para adiar eleições até que o assunto estivesse esclarecido?
O problema é que o senhor Silva é um banana ainda mais insignificante que a porcaria da banana da Madeira.

Estudante disse...

Os únicos que são despedidos por (in)justa causa são os trabalhadores honestos... mas gostei dessa ideia das viagens x)

Publicação em destaque

Outono

Incrível!! Ainda ontem o cair da noite banhava lentamente (a passo de caracol) os nenúfares que boiavam no charco verde de águas cálidas, ...