quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Fred, o gato telefonista

Não é segredo para ninguém que entre outros atributos profissionais, sou treinadora de felinos e domino na perfeição o Gatez. Mas ao longo da minha carreira animalesca, confesso que este gato ultrapassa tudo o que já me amassou com as patinhas, o colo: Um verdadeiro gato telefonista - O Fred, que mal ouve o telefone vai logo atender.
O que mais me impressionou neste gato, foi a rapidez com que atendeu o telefone e delicadeza com que pronunciou "O Miau" de atendimento, muito mais profissional, que alguns profissionais de duas patas que conheço.

4 comentários:

Anónimo disse...

Hilariante, o que eu já me ri... gatez é bom. Um beijo, Paulo

Mim disse...

Há dias, num episódio do CSI, uma arara criou um caso bicudo à polícia, porque quando viu a dona cair morta, tirou o telefone do descanso e bicou o 911 (o 112 dos EUA) e começou a gritar por socorro. O problema foi descobrir como é que a dona antes de morrer esfaqueada, tinha telefonado sem sujar o telefone de sangue... só descobriram na última cena, quando um dos polícias se cortou e a arara, quando viu o corte fez exactamente o mesmo.
Os animais são muito espertos.

Gasper disse...

Ahaha preciso de um desses :P

lampâda mervelha disse...

Com um telefone daqueles à cabeceira da cama, há muito que lhe tinha dado uma marretada.

Publicação em destaque

Outono

Incrível!! Ainda ontem o cair da noite banhava lentamente (a passo de caracol) os nenúfares que boiavam no charco verde de águas cálidas, ...