quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

O dia dos Namorados na perspectiva da Catirolas

O amor não precisa de dias específicos.
Quando se gosta de alguém, gosta-se todos os dias, sem que seja preciso um dia instituído pelo consumo, para o provar.
Não vale a pena comemorar um dia, quando se passa o resto do ano com intenções e acções que em nada dignificam o amor.
Na verdade esta data só existe, para animar um pouco o comércio, como o dia da mãe ou o dia do pai.

Se já tiveram essa experiência, este é um dos piores dias para se sair, os restaurante estão atulhados de "casais", é tudo muito vermelho, melancolicamente meloso... e tudo parece fútil, demasiado comercial e desinteressante. 
Um romantismo imposto,  nada genuíno, espontâneo e único, como o verdadeiro amor deve ser.

A Catirolas comemora o dia dos namorados todos os dias, excepto no dia 14 de Fevereiro.





4 comentários:

L.O.L. disse...

És das minhas. Curiosamente eu hoje nem sequer vou estar ao pé da minha namorada. Mas por outros motivos. No entanto concordo com tudo o que disseste. :))
Bjos.

Julie D´aiglemont disse...

Também não consigo achar piada nenhuma a um dia tão piroso.

Jo disse...

A ultima frase tambem se pode aplicar a mim :) bjoca

siceramente disse...

A catirolas é um doce, mas podia festejar o dia 14 à sua maneira :P

Publicação em destaque

Outono

Incrível!! Ainda ontem o cair da noite banhava lentamente (a passo de caracol) os nenúfares que boiavam no charco verde de águas cálidas, ...